sábado, 1 de outubro de 2011

O asteroide (63) Ausonia em 2011

Antônio Rosa Campos
arcampos_0911@yahoo.com.br
CEAMIG – REA/Brasil - AWB


Em 24 de novembro próximo, o asteroide (63) Ausonia estará em sua máxima aproximação a Terra, quando sua magnitude em torno de 11.0 poderá estar dentro dos limites de magnitudes observáveis de instrumentos óticos de porte médios, o que faz com que binóculos e outros equipamentos de menor porte fiquem fora deste limite observacional. A tabela abaixo apresenta suas efemérides e bem como uma carta de busca, objetivando para sua localização nos próximos dias.

Como demonstra seu número em ordem de descoberta, Ausonia foi descoberto em 10 de fevereiro de 1861 pelo astrônomo italiano Annibale de Gasparis (1819-1892) no Observatório de Capadimonte, Nápoles. Seu nome é homenagem de Capocci aos ausônios, primeiros habitantes da Itália. Os ausônios eram, segundo a lenda, descendentes de Ausônio, um filho de Ulisses e Calipso, que governou a Península itálica. O asteróide, a princípio, teve a denominação de Itália. (Mourão, 1987).

Nota: = (UA)* Unidade Astronômica. Unidade de distância equivalente a 149.600 x 106m. Convencionou-se, para definir a unidade de distância astronômica, tornar-se como comprimento de referência o semi-eixo maior que teria a órbita de um planeta ideal de m=0, não perturbado, e cujo período de revolução fosse igual ao da Terra.

Boas observações!

Bibliografia:

Mourão, Ronaldo Rogério de Freitas - Dicionário Enciclopédico de Astronomia e Astronáutica, Ed. Nova Fronteira, Rio de Janeiro (RJ) - 1987, 914P.

Campos, Antônio Rosa - Almanaque Astronômico Brasileiro 2011, Ed. CEAMIG (Centro de Estudos Astronômicos de Minas Gerais) Belo Horizonte (MG) - 2010, 93P.

Nenhum comentário:

Postar um comentário